categoria
colaborador
arquivo

Processos colaborativos

lala-livros-cut1

“O que mais me anima é conhecer de perto as ideias que possa gerar processos colaborativos”. Essa é a motivação da curadora Lala Deheinzelin que participa este fim de semana da banca da categoria Ideia, no Festival Movimento HotSpot, em Vitória.

Ela conta que desde que fez a seleção para esta etapa, o seu interesse era identificar quais projetos poderiam ter afinidades e  intersecções juntando as pontas, por exemplo, de uma ideia de formas de produção com outra, de distribuição de produtos. “Agora ao vivo, quero já fazer essas pontes para possamos levar  adiante o conceito de que o empreendedorismo do século 21 é muito mais cooperativo do que competitivo”.

No peso de sua avaliação, o potencial colaborativo terá muito mais valor. “Vou prestar atenção nos projetos que tem um propósito comum, que envolva outras pessoas”, conta Lala.  “Temos de aprender o compartilhar o máximo possível, o tempo todo”.

No sábado, às 15 horas, a especialista em Economia Criativa participa da roda de conversa com Paulo Borges, idealizador do São Paulo Fashion Week e do Movimento HotSpot , no Museu Vale. O tema como Lala brinca “é sempre o samba de uma nota só:  como os processos colaborativos podem alavancar a indústria e a criatividade na moda”.  Ela relembra o case do Grupo Brasil de Acessórios, que mesmo sem ter uma estrutura jurídica, dez fabricantes compravam matérias-primas em conjunto, dividiam a distribuição e faziam juntos a divulgação de suas marcas em feiras nacionais e internacionais. “As universidades atualmente só ensinam as técnicas da profissão e as ferramentas de competição. Nos dias de hoje, o empreendedor individual terá cada vez menos espaço. Isso não quer dizer que as ideiais não devam ser originais, mas a sua melhor execução é em grupo”

Para quem vai encontrá-la na banca, Lala dá um ultimo conselho: “Esqueça o projetês e fale com o coração. Que o resto virá.”

Confira a programação completa:

Sexta-feira (17/05)

19h – Abertura da Exposição do Festival Movimento HotSpot – para convidados

Local: Museu Vale – Antiga Estação Pedro Nolasco

22h – Música no Festival Movimento HotSpot  Espirito Santo – aberto ao público

Local: IlhaShow, Alameda Ponta Formosa, 350, Praia do Canto – Vitória

*Grátis.  **Sujeito à lotação da casa, lugares garantidos por ordem de chegada.

Lineup:

DJ Baby Peppers

23h        Daniel Limaverde (Rio de Janeiro) (Atenção: por problemas meterológicos, o candidato não pode embarcar para a Vitória. O show será remarcado para outro festival))

23h30 Sol na Garganta do Futuro (Espírito Santo)

00h30 SILVA

Sábado (18/05)

10h – abertura da exposição do Festival para o público|

Intervenções em instalação cenográfica do Movimento HotSpot

Local: Museu Vale – Antiga Estação Pedro Nolasco *Grátis

11h – Encontro “Por trás do ‘Tardes Infinitas’”, com integrantes do programa de rádio “Tardes Infinitas”, da rádio Universitária FM 104,07.

Participantes vão conhecer o processo tecnológico por trás das transmissões do programa “Tardes Infinitas” interagindo com os produtores em um estúdio móvel, onde compreenderão o processo criativo de um programa de rádio.

Local: Museu Vale – Antiga Estação Pedro Nolasco *Grátis **Até 50 pessoas.

15h - Roda de conversa com Paulo Borges, idealizador do São Paulo Fashion Week e do Movimento HotSpot e Lala Deheinzelin, especialista em Economia Criativa, curadora do Movimento HotSpot na categoria ideia

Local: Museu Vale – Antiga Estação Pedro Nolasco (área da exposição de Filme e Vídeo)

*Grátis **Até 50 pessoas

16h15 – Profissão Designer Gráfico: o céu é o limite. Rogério Hideki mostra o processo criativo do Estúdio Arvore na criação de projetos. 

Local: Museu Vale – Antiga Estação Pedro Nolasco (área da exposição de Filme e Vídeo)

*Grátis **Até 50 pessoas

18h – Fim das atividades no Museu Vale

tags , , , ,